Crítica: “Ator Mente”

por JOSÉ CETRA

 

Com seus habituais talento e elegância Marco Antônio Pâmio traduziu e dirigiu três peças curtas do dramaturgo inglês Steven Berkoff reunidas no espetáculo Ator Mente em cartaz no Teatro Nair Bello.

 

Os dois primeiros textos, mais curtos, colocam em cena Norival Rizzo e Josemir Kowalick, ora como dois atores no camarim de um teatro (Quero Um Agente), ora como uma mãe (divertida composição de Rizzo) conversando com o filho criança (Assado). Sabiamente, Pâmio deixou para o final a melhor e mais longa peça (Isto É Uma Emergência) onde um casal discute sobre o desemprego do marido que é ator e uma troca de ofensas ao telefone entre o homem e um chofer de taxi resulta em algo que foge ao controle do casal, interpretado por Rizzo e Noemi Marinho, numa hilária e surpreendente intervenção.

 

O patético diálogo inicial entre o casal enquanto a mulher balança infinitamente seu saquinho de chá na xícara e dá sugestões de emprego para o desacorçoado marido revela-se como um dos mais preciosos momentos que o teatro vem nos oferecendo. As chamadas do agressor por telefone e sua chegada (Luciano Schwab) transformam a cena de patética em tragicômica, onde se revelam males tão presentes na contemporaneidade: a insegurança, a violência, o medo, a covardia e a repressão sexual da mulher.

 

O cuidado da produção (marca registrada de Pâmio) pode ser lido na ficha técnica e constatado ao assistir ao espetáculo: o cenário simples e flexível é de Duda Arruk, os figurinos de Fabio Namatame, a iluminação de Caetano Vilela e a ótima trilha sonora é assinada por Gregory Slivar.

 

Entre os vários méritos deste espetáculo, os maiores para mim, são, sem dúvida, as brilhantes interpretações de Norival Rizzo e Noemi Marinho que por si valem a ida ao teatro.

 

???? Serviço

Espetáculo: Ator Mente

Temporada: 14 de junho a 28 de julho, às sextas e sábados (21h) e domingos (19h)

Ingressos: R$ 30,00 (meia-entrada: R$ 15,00). Acessibilidade gratuita a portadores de necessidades especiais, agendamento pelo telefone da bilheteria.

Sessões com Tradução em Libras: 21, 22 e 23 de junho

Ingressos online: https://www.tudus.com.br/

Aceita dinheiro e cartões. Ar condicionado.

Gênero: Comédia. Duração: 80 minutos. Classificação: 16 anos.

 

Teatro Nair Bello

Rua Frei Caneca, 569 – Cerqueira César, São Paulo/SP

Tel: (11) 3472-2414. Capacidade: 201 lugares

https://wolfmaya.com.br/teatro-nair-bello/

 

 

Esta notícia pertence a http://palcopaulistano.blogspot.com/2019/07/ © Todos os direitos reservados.